4 dicas simples para aprender a desapegar do passado

Você já se sentiu apegada a alguma situação ou pessoa e não sabia como se libertar deste sentimento? Isso é completamente normal.

Muitas vezes nos apegamos ao passado, mesmo sabendo que não nos faz bem e acabamos por acreditar que não seremos capazes de reagir ou superar este sentimento.

Trabalhar o desapego é algo que leva um certo tempo, porém você pode conseguir acelerar este processo de uma forma leve. 

Quer saber como?

Trouxe algumas dicas para te ajudar a sacodir a poeira e dar o primeiro passo em desapegar do passado e entender o porquê um ciclo se fechou. 

Hoje mesmo você pode colocar em prática para deixar ir e só fluir, sem expectativas ou frustrações. Esta será uma mudança que, com certeza, fará a diferença no seu dia. 

Vem junto comigo?

Entendendo o fechamento de um ciclo

Para desapegar do passado e deixar a vida fluir sem medo, o primeiro passo é entendermos que é totalmente normal um ciclo se fechar ao longo da nossa vida. 

Por mais que você tente manter algo constante e duradouro, seja o seu emprego, um relacionamento, uma oportunidade… Não temos o total controle do que nos acontece, ou até mesmo, das decisões que outras pessoas irão tomar e acabar nos afetando.

Por isso, a compreensão de que o Universo nos traz tudo o que precisamos, no momento certo, pode te dar o primeiro conforto em entender que está tudo bem. 

Situações são passageiras, assim como o sofrimento que você possa estar sentindo. Isso não quer dizer que você é ou não merecedora de algo, apenas que aquilo não precisa estar mais em sua jornada.

Dessa forma, aceitar o passado não é apenas ignorar tudo o que um dia te machucou, mas sim, saber que você pode se libertar daquilo que não precisa mais, para que o novo possa se manifestar de acordo com o que quer.

O mal que uma vez te afligiu não precisa ser eterno. Em pequenos passos, vá se perdoando e se liberando. Sem pressa, sem se cobrar. 

Benefícios do desapego

Ao se fixar no apego, você acaba se impedindo de aproveitar as oportunidades do momento presente. Lembre-se: você não precisa carregar consigo todas as suas dores. Entender isso, pode te ajudar de muitas formas na sua vida. 

Isto serve não só para superar uma situação que esteja te machucando agora, mas também, a evitar que este sofrimento se repita. Por isso, alguns benefícios ao praticar o desapego são:

  • Confiança em tomar decisões
  • Valorização de quem você é
  • Fortalecimento do amor-próprio
  • Obter aprendizados que podem te ajudar em outros momentos
  • Perder o medo de errar ou enfrentar a vida
  • Não carregar traumas ou inseguranças
  • Aproveitar chances que surgem
  • Novas oportunidades chegam, sem ao menos estarmos esperando

Formas simples para praticar o desapego

Entrar neste processo de cura e desapego é algo muito pessoal. O tempo para se libertar destas amarras é variável, porém, algumas técnicas podem te ajudar a tomar consciência da sua dor e superá-la de uma forma mais leve e tranquila. 

Confira só essas dicas que separei para você:

1. Foque no momento presente

O apego muitas vezes está ligado a situações e pessoas do nosso passado. Focar no aqui-agora pode ser uma boa maneira de começar a se desvencilhar destas amarras. 

Toda vez que o seu pensamento for para algo em que você esteja apegada, tente se distrair com algo em que você pode fazer. Seja ouvir uma música, dançar, ler um livro, conversar com uma amiga…

Sentir falta é normal, não se culpe pelo seu próprio sentimento. O importante é entender que esta não é uma emoção que precisa te controlar ou ditar como será a sua vida daqui para frente.

2. Fortaleça confiança em você mesma

Crie uma relação de dependência com você mesma. Esteja conectada com os seus propósitos e lembre-se de tudo o que você precisa, já está em você. 

O maior amor que podemos ter é o nosso próprio. E isto só é possível receber quando esvaziamos as mãos dos pesos dos medos e apegos. Foque em você mesma e faça coisas por você!

Crie uma rotina de autocuidado, saia para comer algo sozinha… Lembre-se todos os dias de que você é capaz sim de superar e fazer o que deseja. Afinal, há uma vida inteira pela frente!

Quando estamos apegadas a algo, ficamos prisioneiras de um sentimento que nos causa apenas sofrimento. É necessário deixar ir, para que novas oportunidades fluam para nossa vida. Ao estarmos confiantes em nós, iremos nos conectar sem medo a essas novas oportunidades.

3. Trabalhe o seu Chakra Base

Quando em desequilíbrio, o nosso Chakra Base acaba sentindo os efeitos do apego e do medo. Para fortalecermos esse portal de energia e nos sentirmos novamente dispostas para aceitar o passado, você pode realizar um exercício simples:

Caminhe, por alguns minutos, com os pés na terra. Mentalize as energias do apego indo embora, ao mesmo tempo em que você entra em conexão com o Universo, que está ali, te firmando e sustentando. 

Se quiser, você pode aprofundar ainda mais essa experiência sentando e colocando suas mãos na terra. 

Tente realizar esta prática pelo menos uma vez por semana, ou até mesmo, todas as vezes que sentir que precisa.

4. Faça um ritual na Lua Minguante

Tenha em mãos: lápis, papel e uma vela

Em uma noite de Lua Minguante, escreva no papel tudo o que deseja desapegar, seja sentimentos, hábitos ou coisas materiais. Acenda a vela e deixe o papel queimar enquanto recita o mantra: “Deixo ir o que não me serve mais e me abro para o novo”. Enterre as cinzas em um vaso de planta, mentalizando as novas oportunidades que serão semeadas. 

Deixe o passado para trás

Viu só? O universo tem coisas incríveis para nos trazer, mas muitas vezes estamos com os olhos focados apenas naquilo que tivemos, e esquecemos que muitas coisas boas também estão por vir.

Relacionamentos, trabalhos, situações… tudo isso nos trará aprendizados. Talvez você não consiga visualizar agora, mas lá na frente, irá fazer sentido.

Nem sempre teremos o controle, mas o que você não pode permitir é achar que apenas o que passou ou acabou, irá definir a sua vida.

Alinhar sua vida ao o que o Universo nos traz, exige ousadia e tem suas abdicações, mas é só assim que abrimos espaços para possibilidades muito interessantes. E essa vida pode ser a chance perfeita pra você se permitir descobrir isso na prática!

Evitar se perder nos traumas do passado eleva a sua frequência e protege seu campo de energia, te trazendo uma facilidade maior de concentrar-se na sua vida e no que você pode fazer. 

Agora mesmo o seu passado já está sendo transformado e curado, para um presente e futuro cheio de oportunidades!

Compartilha comigo: este post foi útil para você? Como você cuida de você mesma após o fechamento de algum ciclo?

9 Comentários

  1. Bruna Leão Brum

    Excelentes dicas, deu pra sentir a energia carinhosa com que este texto foi escrito! Gratidão!

    Responder
  2. Jesiane

    Utilidade pública esse texto, estou fechando um ciclo de 14 anos de relacionamento e me sinto privilegiada e ter descoberto sua página, suas lives, seu Instagram.
    Muitas respostas venho encontrando por aqui.

    Gratidão!

    Responder
  3. Gabriella

    Muito bom, sempre esqueço como o que está por vir, será ainda mais energizante 🥰

    Responder
  4. Janete

    Vc é luz vc é maravilhosa,eu ainda não consigo fechar o ciclo de 30 anos com meu parceiro que só me desvaloriza

    Responder
  5. Juliana

    Gratidão pela postagem! Foi um carinho necessário pra mim. Senti cada palavra me tocar. Sentia muita dificuldade de encerrar ciclos. Principalmente o do meu relacionamento que terminou recentemente e antes disso, inúmeras outras vezes, mas sempre achava voltando e tornando um clico vicioso que não mudava. Mas essa é a primeira vez que eu decidi fazer diferente e mudar. E mudar 100% em todos os sentidos. Aceitar que só posso decidir por mim mesma e pensar no que é melhor pra mim e aceitar que não posso mudar e nem querer pelo outro. E apesar da saudade do relacionamento e também de algumas épocas da minha vida e amizades. Aceitei que tudo tem uma razão, tem seu tempo e propósito. Meu coração está mais leve e pela primeira vez, estou pensando em mim e no que é melhor pra mim em todos os sentidos. Gratidão! Gratidão!

    Responder
  6. Nathalia Alves

    Muito importante, já tinha consciência de algumas coisas, porém senti algo mais profundo ao ler. Gratidão

    Responder
  7. Cláudia Maria da Silva

    Maravilha! Veio na hora certa, às 3 horas da manhã! Gratidão!

    Responder
  8. Gardênia Sousa

    Ainda tenho muita dificuldade de fechar o ciclo do meu passado, são muitos traumas que ainda hoje machucam e influenciam minha vida. Estou num processo de autoconhecimento, de me encontrar de novo, não é nada fácil, mas é menos doloroso quando encontrarmos palavras de apoio, quando alguém nos acolhe e entende o que sentimos. Gratidão por esse acolhimento 🤍🤍

    Responder
  9. Huillian Eduardo da Silva Serpa

    Nossa, fez muito sentido sim. Muito obrigado. Gratidão.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Inscreva-se
na nossa Newsletter

Para receber avisos em primeira mão sobre as novidades do universo Houhou.

× Precisa de ajuda?